Segunda-feira, 28.01.13

(atenção que o post é um bocado grande)

https://www.facebook.com/LadyRedhead

clica aqui para leres a entrevista na integra

 

Esta imagem apareceu no facebook da Lady Redhead e foi partilhado por outras bloggers, aconselho-vos vivamente a lerem o comentário da Luciana acerca desta frase (link embaixo da foto).

 

O meu pequeno blog não é dos mais reconhecidos, dos mais lidos, dos mais bonitos, dos mais queridos.. É o meu pequeno blog e também não são estes os objectivos que tenho para ele. Mas dá o trabalho e ao mesmo tempo não dá *que contradição* porque isto é algo que faço com todo o gosto.
Custa ler isto. "Custam pouco a fazer e a manter".

Um blog é fácil de criar? De facto é, toda a gente pode fazê-lo. Mas... E cuidar dele? Mantê-lo vivo? Mantê-lo com leitores? Mantê-lo com posts? Mantê-lo com visitas? Mantê-lo com um bom visual? Mantê-lo com conteúdo? Cuidar dele durante anos? Continuar a escrever com a mesma paixão? Não dá trabalho?

Não importa que seja de moda, que seja um diário online, que seja de culinária, de desenho, de criticas sobre o que nos rodeia, sobre livros... DÁ TRABALHO.

 

Pelos vistos, depois de ler a entrevista, concluí que o meu blog é um 'egoblogue'. Mas qual é o problema? Qualquer pessoa na bloggosfera tem liberdade de fazer o que lhe apetece e se fotografar/filmar o que compra, se isto deixa as pessoas 'realizadas' porque é que não podem fazê-lo sem serem julgadas? Porque a sociedade considera algo vazio e sem interesse?

 

Eu já vi por aqui de muito. Já vi blogs com pouquíssimo tempo, sem experiência, sem conteúdo a procurarem de imediato parcerias. Já vi autoras de blogs que apenas com uma semana de blog publicam 'SE O MEU BLOG NÃO CHEGAR ÀS 1000 VISITAS ACABO COM ELE!'. Já vi de tudo, já vi blogs com qualidade a não serem publicitados e outros que já cansa ouvir falar deles..

 

Somos livres de fazer o que queremos. Eu tenho um blog para desanuviar, porque sou vaidosa, porque apesar não escrever muito bem gosto de fazê-lo, porque gosto de fazer designs, porque gosto de escrever sobre o que me apetece. Não estou aqui para chegar às 100.000 vistas em dois anos, para ter uma página de facebook com 1000 seguidores, não estou aqui para ter a minha barra lateral cheia de selos que significam parcerias em que se recebem coisas para ser mostradas (não critíco quem tenha, critíco meramente aquelas que anseiam ter um blog para receber coisas grátis etc provenientes de parcerias).. E se calhar é este tipo de coisas que tem vindo a fazer com que os blogs de moda sejam tão criticados porque quem não lê pensa que 'isto dos blogs de moda' é algo fútil, sem interesse, que é puro exibisionismo, consumismo, uma forma muito estranha de tentar ganhar dinheiro e de tentar ter coisas 'à borla'.
Mas ainda há quem o faça com paixão.

Concluindo, se é um mundo fútil, acho que todas nós sabemos que é. Mas é um mundo LIVRE, não critiquem aqueles que dedicam horas e muito amor aos blogs, critiquem quem o faz com objectivos transcendentes à paixão de ter um blog. E só porque a Pépa quer uma mala da Chanel não quer dizer que ela má pessoa. Mais! A partir desse exemplo também façam o favor de não generalizar acerca do que é um blog de moda/egoblogue.

Fim.

 

P.S: Dêem-me a vossa opinião sobre isto!

XX, Cat

 

publicado por Catarina às 20:46 | link do post | comentar | favorito
Teresa a 28 de Janeiro de 2013 às 21:53

Não acrescentaria nem uma vírgula!
Bruna a 29 de Janeiro de 2013 às 18:53
obrigada linda <3
concordo plenamente contigo :)
Maria a 30 de Janeiro de 2013 às 13:43
Se há algo que me faz muita "comichão" é o gosto do português para criticar tudo o que é diferente. Eu penso que este "mundo" não é necessariamente fútil, visto que há muitas bloggers que fazem isto porque gostam, não apenas com o objectivo de receberem produtos de borla e viverem à custa dos mesmo. Mas por outro lado, há quem receba tudo isto e muito mais, mas que tenha tido mérito para tal. E sobre o que quer que seja o blog de uma pessoa - até pode ser uma perda de tempo para muita gente, mas se as pessoas se sentem realizadas a criar estes seus "cantinhos", porque não deixá-las fazer isso, em paz e sem críticas idiotas? Porque é que têm de andar sempre a comentar aquilo que não "conhecem", porque não estão inseridos no contexto? E realmente só alguém que nunca teve um blog e que lhe dedicou tempo é que diz "custam pouco a fazer e a manter". Há pessoas que mereciam às vezes levar com alguma coisa na cara. E, honestamente, já me irrita todo o escândalo em volta dos anúncios da Samsung.

Concordo plenamente com tudo o que disseste no post.
Beijinhos!
lacinhorosa a 30 de Janeiro de 2013 às 14:35
Muito bem dito (da tua parte claro). Um blog exige dedicação...só quem não tem não entende :) Kiss
Inês Brito a 30 de Janeiro de 2013 às 21:28
Concordo imenso contigo!
Fazemos isto porque gostamos mas também nos gasta imenso tempo e esforço, é triste que não percebam isso.
Lis a 31 de Janeiro de 2013 às 22:48
Tenho o meu blog e faço dele e nele o que bem entendo.


L*
mais

Catarina (21)
Um diário virtual utilizado de mês a mês que possui os desejos, partilha tendências e descreve peripécias de o dia-a-dia de uma rapariga normal.{mais}

mais
2016:

 J F M A M J J A S O N D

2015:

 J F M A M J J A S O N D

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

mais mais mais mais mais mais mais mais
pessoas que já passaram no blog ♥
 
vogue & love ~ Cat